Home > Notícias > GREVE NACIONAL DA EDUCAÇÃO - Pelo nosso futuro, quinta (30/05) tem que ser maior!

29/05/2019 - GREVE NACIONAL DA EDUCAÇÃO - Pelo nosso futuro, quinta (30/05) tem que ser maior!


Compartilhe nas suas redes sociais!


Tiago Coutinho - Estagiário Comunicação

É pelo nosso futuro, pelos nossos filhos e pela classe trabalhadora!

O Sindisaúde-RS convoca toda a categoria para o grande Ato Nacional em Defesa da Educação desta quinta-feira, 30 de maio. "Se no dia 15 de maio a nossa luta já levou centenas de milhares às ruas do Brasil, mostrando que estamos prontos para a luta, o ato desta quinta vai mostrar para o Governo Federal que a classe trabalhadora está pronta para a briga, rumo à Greve Geral de 14 de junho!", convoca o presidente do sindicato, Arlindo Ritter.

Concentração no HCPA às 17 horas

A diretoria do sindicato estará panfletando durante todo o dia no Hospital de Clínicas, onde a partir das 17 horas começa a concentração para o ato que terá lugar na Esquina Democrática, a partir das 18 horas. A escolha do local se deve ao fato de que o HCPA é um hospital-escola, ligado à UFRGS, que realiza algumas das pesquisas mais importantes do país, já tendo salvo milhares de vidas. Mesmo assim, já foi afetado pelos cortes do Governo, que tiraram 10 bolsas na área de pesquisa genética, além do recolhimento das que considerou como não utilizadas - na verdade, as bolsas são repassadas ano após ano para cada novo pesquisador.

"Temos que construir um ato ainda maior que o do dia 15 de maio, para mostrar de vez que o povo brasileiro não aceita esta barbaridade que o Governo Federal já está fazendo com o trabalhador e com os estudantes", afirmou o secretário-geral do sindicato, Julio Jesien, junto ao vice-presidente Julio Appel, que dá o recado: "Não vai ter arrego, é pelo nosso futuro!". Ambos são funcionários do hospital.

Dia 15, milhares tomaram as ruas de Porto Alegre, e o Sindisaúde-RS esteve na luta!

Relembre os cortes!

Os cortes atingem a cifra de R$ 819 milhões! Desse valor, para que se tenha uma ideia, R$ 55 milhões serão cortados da UFRGS, que é considerada a melhor universidade do Brasil há anos, impactando profundamente em hospitais como o Clínicas, que é um hospital-escola ligado à universidade.

Pre­ju­í­zo incalculável na Sa­ú­de!

Mi­lha­res de pro­je­tos ci­en­tí­fi­cos que bus­cam tra­ta­men­tos e cu­ras pa­ra as mais di­ver­sas do­en­ças se­rão pa­ra­li­sa­dos ou aban­do­na­dos. A pes­qui­sa ci­en­tí­fi­ca é sem dú­vi­da o investimento mais importante para o desenvolvimento de um país. Na saúde, por exemplo, seus resultados atuam de maneira preventiva, eco­no­mi­zan­do gas­to pú­bli­co fu­tu­ro com pos­sí­veis epi­de­mi­as evi­tá­veis.

"Esta política do governo retira a qualidade de prestação de serviço do SUS e do profissional que está te atendendo, além de impossibilitar o avanço nas pesquisas desenvolvidas em vacinas e doenças congênita", denuncia Appel.

Números do HCPA

O HCPA é um hospital escola, ligado a UFRGS e ocupa um espaço enorme na produção de ciência e de conhecimento no Brasil, mas acima disso, é responsável por 31.288 internações, 569.359 consultas, 3.122.562 exames. 47.546 cirurgias e o que mais está ligado a ciência e desenvolvimento do conhecimento: 425 transplantes.

Sem Ciência não há saúde pública de qualidade!. Na quarta-feira, vamos todos juntos para mais essa grande luta pela educação, pesquisa e saúde de qualidade!